Livre [Wild] EUA, 2014.

86065_gal

Jean-Marc Vallee conseguiu fazer um filme mais coeso que Clube de Compras Dallas [achei Clube um típico filme de ator]. E minha amiga Reese Witherspoon abraçou a causa feminista de vez, anda despontando como produtora [deste e Gone Girl] e ainda acertou em apostar em filmes [digamos] mais alternativos [está indicada ao Oscar como melhor atriz]. Assisti Livre depois de passar dias passeando em praias hipongas do Uruguai. Me identifiquei com vários momentos de desapego da personagem protagonista que na fossa sai em trilha difícil atravessando os Estados Unidos [o filme é adaptado de best seller inspirado em fatos reais]. Trata-se de um Na Natureza Selvagem de saias. Ainda faz a gente refletir no tanto que o mundo é cruel às mulheres [a Cheryl vai pra natureza se descobrir mulher com M maiúsculo]. E de legal, o elenco ainda tem a linda da Laura Dern [indicada à atriz coadjuvante – continuo torcendo pela Patricia Arquette em Boyhood] interpretando a mãe da personagem da Reese e a Gaby Hoffman de melhor amiga da Reese [mais uma vez a Gaby faz a testemunha de um aborto, ela fez isso em Obvious Child].

Avaliação:4,5/5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s