Vic + Flo viram um urso [Vic + Flo ont vu un ours] Canadá, 2013.

1654211_608193162594761_496450095_n

Um thriller psicológico que só nos entrega poucas pistas e o resultado é intrigante mesmo com o final de algumas lacunas em branco. E que senso estético o de Denis Côté, do documentário também esteticamente intrigante Bestiário. Temos um casal sujinho de lésbicas, a primeira delas [interpretada por Pierrette Robitaille] cumprindo pena perpétua em regime semiaberto e a outra [a exótica Romane Bohringer] fugindo de um passado misterioso e em dúvida se gosta de homens também. Eles vão tentar a vida num subúrbio esquecidinho e não serão muito bemvindas pela comunidade. As atrizes estão fantásticas e destaque ao Marc-Andre Grondin [lembra do gayzinho de C.R.A.Z.Y? – que bumbum mais lindinho, casava!!!] que interpreta o agente de polícia que segue as duas a fim de fazer relatórios sobre o comportamento das mesmas. 

Premiado no último festival de Berlim.

Avaliação: 4/5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s