Narciso Negro [Black Narcissus] EUA, 1947.

a1twfgbkkll_aa1500_

Taí um filme que me deixou em cima do muro. Esteticamente o filme é deslumbrante graças às soluções inovadoras de sua fotografia Technicolor [uma experiência gótica única até hoje]. E o longa fez barulho na época de seu lançamento, o diretor Michael Powell [do também singular Os Sapatinhos Vermelhos] até chamava esta obra de “um filme erótico”. Temos jovens freiras em missão em algum ponto do Himalaya, uma delas vai pirar por ali. Deborah Kerr está fantástica como a freira protagonista, toda cobertinha e santinha mas ao mesmo tempo com uma super força sexual em sua presença gélida [pirei? hahaha]. Me deixou no muro por conta de sua crítica à mulher que se permite… Rummmm… Hahaha…  Levou Oscar de melhor fotografia [de Jack Cardiff de Os Sapatinhos… e Rambo] e direção de arte. 

Avaliação: 3,5/5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s