Meu irmão, o Diabo [My brother, the Devil] Inglaterra, 2013.

418659_519316548084413_78644579_n

Não lembrava o porquê de ter baixado este filme [não tenho muita memória, vou lendo sobre os filmes e vou baixando, a fila não pára e às vezes demora meses para assistir alguns títulos]. Estava um tanto entediado com mais um filme sobre gangues étnicas inglesas e lá pro meio PAH PUM… Um dos árabes da gangue se revela GAY!!! Eu não deveria nem ter tocado neste aspecto por aqui, a grande sacada do roteiro foi essa. O título até passa a fazer sentido, para os árabes, os gays são representações do ‘coiso ruim’.

Não é um filme imperdível [um típico longa de festival alternativo], mas foi surpreendente. Mais ainda quando a gente descobre que o diretor é uma descendente de árabes, Sally El Hosaini. Uma gata tocando num tema tabu e manjando de gangues em seu debut. Botei foi fé! Fiquemos de olho…

O filme levou prêmios especiais nos festivais de Sundance, Londres, São Francisco, Berlim e monte de outros festivais voltados para a temática queer.

Avaliação: 3,5/5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s