A voz de uma geração [In a world…] EUA, 2013.

86065_gal

Filme queridinho da cena indie americana. Não foi que eu curti? Dos longas mais feministas que eu assisti recentemente. E é dirigido, escrito e atuado pela, até então desconhecida por mim, Lake Bell [virei fã]. Ela interpreta uma locutora-narradora de cinema [nos EUA, estes profissionais são conhecidos como voiceovers, aquelas vozes que a gente escuta nos trailers de filmes] em busca de seu espaço num mercado de trabalho um tanto machista. São poucas oportunidades para as mulheres e ela ainda tem que engolir o peso de ser filha do narrador mais fodão da cena. Comédia de humor negro acima da média, texto delicioso [que ainda alfineta Hollywood], elenco formidáveeel e tem monte de pontinhas de gente grande como Cameron Diaz, Eva Longoria e Geena Davis [estava com saudades da Geena]. Mas quem brilha mesmo é Lake Bell e seu parzinho Demetri Martin [torci muuuuito pelo romance mesmo sabendo que… hahaha]. E destaque ao Ken Marino com aquele chupa que ele dá no nariz da Bell, aquele vozeirão e aquele tanquinho gostoso. Uiuiui!

O roteiro foi premiado em Sundance.

Medíocre o título em português, pra variar.

Avaliação: 4/5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s