A cor da romã [Sayat Nova] Armênia, 1969.

angels-share-ken-loach

Meu segundo filme do Sergei Parajanov. Esteticamente incrível, mas trata-se de uma homenagem um tanto obscura para nós ocidentais, já que o filme é inspirado no trabalho de um poeta armênio do século XVIII, Sayat Nova. Muito carão, hein? O filme é muito alegórico e cada plano é milimetricamente estudado, verdadeiras composições de artes plásticas. Dá vontade de fazer print em vários planos, imprimir as imagens, emoldurá-las e pendurá-las na parede. Claro que o Parajanov abusou do homoerotismo, tanto na figura do tal poeta [androginérrima], quanto nas cenas dos padres no mosteiro.

E meu irmão Fábio de Andrade descobriu que o filme inspirou muito o clipe Bedtime Story da Madonna. Re-assistimos ao clipe e nuss… Verdade!

Falando em Madonna, conheci esta pérola a partir desta montagem que fizeram de Vogue com as imagens deste filme. Genial!!!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “A cor da romã [Sayat Nova] Armênia, 1969.

  1. Gostei do título do filme… e coincidentemente estava tocando Madonna na rádio que eu estava ouvindo enquanto lia esse post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s