Reality, Itália, 2013.

86065_gal

Não tem como assistir a este filme do aclamado Matteo Garrone [do excelente Gomorra] e não lembrar do Fellini. O gênero tragicomédia muito bem tratado, a estética decadente, o banal, o vulgar, o patético, um protagonista quase clown, a emoção mais tenra… Na trama, um peixeiro entra pra pré-seleção de um Big Brother e a partir daí começa a sua paranóia… Ele começa a se sentir viajado, achando que todas as suas ações podem impedi-lo de entrar no programa, se imagina observado o tempo inteiro. Coisa de maluco… Destaque ao estreante Aniello Arena, muito carismático.

Garrone só não conseguiu realizar um filme maior que a vida como Fellini. Afinal, a vida é muito maior que um Big Brother. 

Premiado pelo juri em Cannes.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s