Deixe a luz acesa [Keep the lights on] EUA, 2012.

angels-share-ken-loach

Filme de temática gay que pode agradar bastante a este público. Achei a primeira parte bem realizada, do meio para o final o roteiro se perde um pouco. Mas o longa é muito sincero e adoro a proposta naturalista, a estética sujinha.

Talvez seria bom hts master conservadores se permitirem a filmes como este, mais por conta da desmistificação de muitas coisas do mundinho gay, principalmente no que se refere aos relacionamentos. Do tipo, um relacionamento estável já é muito complicado no geral e no caso dos gays… putz! O dilema do casal desta película é que um dos caras não abre mão de suas droguinhas e também sente vontade de outros parceiros. Tenho vários amigos gays que já passaram por algo parecido, principalmente pela vontade de uma terceira pessoa. Claro que vários casais hts já passaram pelo mesmo, conheço muito hts que dão de pau nas reco-reco senso comum que tem a lot por aí. E que ótimo que as gays do filme não são estereotipadas, ainda que sejam refinadas em relação à grande maioria.

Destaque aos créditos iniciais com obras incríveis de temática queer, ao ator protagonista Thure Lindhardt [um quê de Matheus Nachtergaele, sendo que mais bonitinho] e à trilha sonora bacanuda do Arthur Russell. Levou o prêmio Teddy [dedicado aos filmes de temática GLBT] em Berlim.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s