Tudo pelo poder [The ides of march] EUA, 2011.

George Clooney é chegado numa politicagem, né? Mas acho isso positivérrimoooo. Por mais que seus filmes não sejam lá grandes obras-primas [passa longe de Costa-Gavras], eles sempre te sacodem de alguma forma. Acho que o forte fica por conta do roteiro mesmo. E aqui a coisa tá bem DESCARGA NA POLÍTICA. O lindinho e talentoso do Ryan Gosling interpreta o secretário de comunicação da campanha de um dos supostos candidatos à  presidência  pelo partido democrata. A personagem do Gosling começa o filme positiva e confiante em seu candidato [interpretado pelo próprio Clooney], mas é tanta cobrice e sujeira nos bastidores… Zombando do Obama, que lindo, Clooney!

Além do roteiro, só tem feras no elenco. Destaques: a Marisa Tomei está excelente como a jornalista metida a esperta, e a belezura de encher a tela que é a Evan Rachel Wood [tem tudo pra ser super diva num futuro próximo]. Indicado ao Oscar de melhor roteiro, merecidamente.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s