Melancolia [Melancholia] Dinamarca, 2011.

Lars Von Trier fez seu Festa de Família [do Thomas Vinterberg, seu colega de movimento Dogma, lembra?] na primeira parte do filme, dosou o drama psicológico entre duas super atrizes – Kirsten Dunst [premiada em Cannes] e Charlotte Gainsbourg – e de inédito em sua carreira optou pelo gênero cinema-catástrofe [claro que mais psicológico] na segunda parte. PODEROSO! Não façam como eu, ASSISTAM NO CINEMA!!!

Eu ainda prefiro os filmes de início de sua carreira mas o cara ainda faz filmes relevantes. Achei sua proposta parecida com ao do Malick em Árvore da Vida, porém, enquanto o segundo abusou do mimimi, o cineasta dinamarquês é impiedoso. E é isso que me faz amar este cineasta filho de uma puta [tadinha, a mãe do cara já morreu]!

E nunca vi um filme do diretor com tantas estrelas no elenco: o vampiro gato do Alexander Skarsgård e seu papai viril na vida real, Stellan Skarsgard,  sendo seu papai também na trama;  ameeeei conferir o Kiefer Sutherland num papel mais dramático sem ser no meio de tiroteios; a diva gélida da Charlotte Rampling marca presença caricata; e Udo Kier faz sua pontinha bizarra de sempre.

Não é um filme maior que a vida mas é uma experiência válida. Grande Mãe agradece!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em cinema

Uma resposta para “Melancolia [Melancholia] Dinamarca, 2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s