101 dálmatas [101 dalmatians] EUA, 1961.

Este filme começa até bonitinho com a estética mais old school, o traço do desenho é bem peculiar e tem o sotaque britânico. Mas o plot é muito Disney caretinha, pra variar… Um dálmata resolve arranjar uma namorada para o seu dono, encontram uma gata que tem uma dálmata também, casal de humanos e cachorros se casam, a cachorra dá luz a quinze cachorrinhos e então surge do nada [assim como a Malévola do A bela adormecida] uma tal Cruella que quer os filhotinhos para transformá-los em casaco de pele. A Cruella mais parece querer acabar com toda a paz e estabilidade da familiazinha que representa todos os ideiais da caretice…  E além dela ser horrorosa, tem um aspecto de nova rica de dá medo. É a norma da Disney, se você não é uma gata romântica ou uma titia bondosa, você é uma bruxa!  Além do conservadorismo da trama, a inocência do filme me deu muito sono… Quero um filme bem sujinho pra hoje!

*

Eu implico desde criança e parece não ter jeito: Disney não é pra mim!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s