Santiago. Brasil, 2007.

Documentário primoroso de João Moreira Salles sobre Santiago, mordomo de sua família nos velhos tempos. De uma memória impressionante, o passatempo da beee daz erudita era escrever uma espécie de enciclopédia sobre nobrezas dos últimos 5.000 anos. Super me identifiquei lembrando da minha época em que vivia no meu mundo particular de bonecos de papéis. E foi ótimo assistir ao filme pra me dá uma coragem pra começar a entrevistar minha avó a fim de ‘eternizar’ de alguma forma suas inúmeras histórias de fantasmas, etc. Muita audácia.kkk
Destaque pra fotografia nostálgica em p&b, às cenas ‘cortadas’ que entraram no filme de uma banalidade emocionante, e também às várias narrativas contadas repetidamente pelo mordomo e sempre de uma forma inédita.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s